10 Dicas para a hora de dormir das crianças

Entenda a importância da rotina noturna para o desenvolvimento infantil e saiba o que fazer na hora de dormir para garantir noites tranquilas de descanso.
Menina loira dormindo com seu ursinho de pelúcia

Qual foi a última vez em que você desejou que a hora de dormir chegasse logo, depois de um dia repleto de atividades? Refletir sobre isso ajuda a entender como o sono é uma peça fundamental em nossa vida. 

Se para os adultos dormir bem é essencial, para as crianças também. Afinal, os pequenos e pequenas de hoje em dia, tem uma agenda de atividades tão cheia quanto a nossa e interagem com diversos estímulos tecnológicos durante boa parte do dia, seja em casa ou na escola.

Além desses fatores, por que o sono é tão importante na infância?

A importância do sono para o desenvolvimento infantil

Durante o sono infantil o cérebro das crianças processa os aprendizados adquiridos no decorrer do dia. Além disso, o hormônio do crescimento, que é um importante aliado para o desenvolvimento, também é liberado na corrente sanguínea dos pequenos e pequenas durante a noite.

O sono infantil contribui ainda para a memória, o foco e para a percepção emocional dos pequenos, regulando e absorvendo suas emoções. Por outro lado, a privação de sono deixa as crianças cansadas, irritadas, sem ânimo para as atividades do dia, além de prejudicar sua saúde mental. 

Veja também: 7 benefícios da Yoga para crianças

O Journal of Clinical Sleep Medicine alerta que cada idade possui uma recomendação de quantas horas as crianças devem dormir entre as sonecas do dia e o sono noturno, para garantir que os momentos de descanso ajudem efetivamente no desenvolvimento infantil. Confira:

Crianças entre 4 meses e 1 ano de idade

De 12 a 16 horas por dia, incluindo as sonecas.

Crianças entre 1 e 2 anos de idade

De 11 a 14 horas por dia, incluindo as sonecas diurnas.

Crianças entre 3 e 5 anos de idade

De 10 a 13 horas por dia, incluindo também as sonecas.

Crianças entre 6 e 12 anos de idade

Nessa faixa-etária os especialistas recomendam que não aconteçam sonecas durante o dia. Dessa forma, as crianças devem descansar de 9 a 12 horas à noite.

Ajustando os ponteiros do relógio para a hora de dormir

É importante lembrar que uma criança que dorme bem faz com que seus familiares e cuidadores também consigam descansar durante a noite. 

A privação de sono para os adultos é tão prejudicial quanto para as crianças. Os pais, mães e cuidadores que não conseguem fazer o filho dormir e acabam passando a noite em claro com os pequenos, se sentem muito mais cansados e improdutivos no trabalho e tarefas domésticas. 

Para garantir que tanto as crianças quanto os pais tenham bons momentos de descanso, é preciso que toda a família se envolva e participe das ações que antecedem a hora de dormir.

10 dicas para ajudar as crianças a dormirem melhor

Se você não se lembra mais quando seu filho dormiu uma noite inteira (e deixou você dormir também), continue a leitura para conferir nossas dicas para uma boa noite de sono.

1 – Desenvolva uma rotina 

Entre os especialistas é unânime: desenvolver uma sequência de hábitos diários antes da hora de dormir é fundamental para que as crianças possam descansar adequadamente.

O estudo “Rotinas de Dormir para Crianças Pequenas” publicado em 2015 pela American Academy of Sleep Medicine, revelou que as crianças que praticam as mesmas atividades todos os dias antes de ir para a cama conseguem dormir melhor. Além disso, a rotina para a hora de dormir também faz com que as crianças despertem menos durante à noite e tenham menos chances de desenvolver problemas relacionados ao sono, como a insônia e o sonambulismo.

É importante lembrar que esses hábitos que antecedem o momento de dormir são simples e devem ser pensados dentro da realidade de cada família. Os estudiosos afirmam que colocar as crianças na cama sempre no mesmo horário, praticar atividades relaxantes com os pequenos, além de criar um ritual divertido para o momento de escovar os dentes e colocar o pijama, são pequenas ações que contribuem para um noite de sono melhor e mais longa.

Veja também: Como melhorar a rotina diária com os filhos

2 – Fique de olho na alimentação

Você sabia que as refeições têm impacto direto na qualidade do sono das crianças? A ingestão de alimentos gordurosos perto da hora de dormir dificulta o descanso dos pequenos e pequenas.

Por isso, procure incluir no jantar do seu filho alimentos mais saudáveis, que sejam de fácil digestão e evite deixar que a criança coma muito em sua última refeição do dia. Quando estão com a barriguinha muito cheia, os pequenos e pequenas sentem mais dificuldade para pegar no sono e acabam dormindo menos.

Se após o jantar a criança ainda estiver com fome, ofereça lanchinhos saudáveis e aposte nas frutas para saciar o apetite. 

Veja também: Os benefícios de cada fruta para o bebê

3 – Cuidado com os estímulos

Dispositivos eletrônicos como celulares, tablets, TV e vídeo games emitem luz azul, que estimula a atividade cerebral. Além disso, a luminosidade desses equipamentos atrapalha a produção da melatonina, que é o hormônio responsável por avisar ao corpo que chegou o momento de descansar. 

Os familiares devem evitar ainda brincadeiras muito agitadas durante à noite. Essas atividades deixam as crianças ativas e eufóricas, fazendo com que seu corpo demore mais para se acalmar e dormir.

Sabendo disso, os especialistas na saúde do sono recomendam que as brincadeiras e o uso de aparelhos eletrônicos sejam interrompidos 2 horas antes da criança ir para a cama. Dessa forma, a produção de melatonina acontecerá corretamente, fazendo com que o corpo dos pequenos e pequenas entenda que a hora de dormir se aproxima.

Menina negra dormindo e segurando um ursinho de pelúcia

4 – Invista no tempo de qualidade

Ao descobrir que os estímulos que despertam a atividade cerebral das crianças devem ser suspensos algumas horas antes de dormir, vale ressaltar a importância do tempo de qualidade.

Algumas crianças apresentam resistência para ir para cama, pois desejam passar mais tempo com os pais. Isso acontece principalmente nas famílias em que os cuidadores trabalham fora e ficam a maior parte do dia longe dos filhos. 

Para solucionar esse desafio, a família deve priorizar o tempo de qualidade com as crianças, procurando estipular horários fixos para as brincadeiras juntos. Dessa forma, quando chegar a hora de dormir, os pequenos e pequenas ficarão mais tranquilos para adormecer, pois já interagiram com os pais.

5 – Estabeleça horários para as sonecas do dia

Assim como o tempo de qualidade, é recomendado que as sonecas também tenham horários determinados durante o dia da criança. 

Até os cinco anos de idade as crianças precisam de mais horas de sono para garantir uma boa saúde e desenvolvimento. Por isso, os especialistas defendem que as sonecas durante o dia são fundamentais para as crianças. Isso não significa deixar os pequenos e pequenas dormirem a qualquer momento do dia. Os pesquisadores afirmam que os cochilos não podem acontecer após às 18h, pois as sonecas depois desse horário interferem diretamente na qualidade do sono noturno.

Dentro da rotina familiar, os pais e cuidadores precisam observar seus filhos para descobrir quais os horários ideais para conciliar os cochilos das crianças com suas tarefas, garantindo que as sonecas não atrapalhem as noites de sono. 

6 – Tranquilize a criança

Para que seu pequeno ou pequena durma melhor e mais rápido, é importante que eles estejam relaxados. Por isso, tranquilizar a criança antes da hora de dormir com um banho relaxante, uma conversa ou até mesmo uma massagem, também contribui para uma noite de sono revigorante. 

A massagem Shantala seguida de um banho bem gostoso é ideal para relaxar os bebês, além de estimular o bem-estar, melhorar a respiração e fortalecer o vínculo entre a criança e seus cuidadores.

Para as crianças mais velhas, o ritual da hora do banho e de escovar os dentes também ajudam os pequenos e pequenas a desacelerar. Se o seu filho tem medo do escuro ou de dormir no próprio quarto, uma boa conversa irá deixá-lo mais tranquilo para descansar.

Leia também: +20 Brincadeiras para a hora do banho

7 – Aposte na experiência sonora

Ouvir determinados sons e canções ajuda muitas crianças a adormecer de forma mais rápida. 

Para tornar esse momento ainda mais agradável, é interessante procurar por experiências sonoras com os personagens e temas que a criança mais gosta.

O Show da Luna é um desenho animado que estimula os pequenos e pequenas a aprenderem coisas novas de forma divertida e lúdica. A experiência sonora com o Show da Luna ajuda as crianças a relaxarem e pegarem no sono. Confira! 

8 – Estimule a autonomia

Sentir que são capazes de fazer algo totalmente sozinhos ou com pouca intervenção dos pais, desperta nas crianças a sensação de autonomia.

É possível estimular a independência infantil inserindo os pequenos nas tarefas domésticas e também nas atividades que antecedem a hora de dormir. 

Incentivar as crianças a tomar banho sozinhas, vestir o pijama e arrumar a própria cama são maneiras simples de mostrar aos pequenos e pequenas que eles estão prontos para o momento de dormir. Esses estímulos são fundamentais para as crianças que dormem com os pais entenderem sua capacidade de dormir no próprio quarto.

9 – Descubra a posição ideal para a criança dormir

Você sabia que existe uma postura ideal para as crianças dormirem?

Até os seis meses de idade, os especialistas recomendam que os bebês durmam sem o uso de travesseiro e sejam colocados no berço com a barriguinha para cima. Essa posição ajuda os recém-nascidos a terem uma boa noite de sono sem prejudicar seu corpinho. A partir do sétimo mês de vida, um pequeno travesseiro pode ser utilizado para apoiar a cabeça do bebê, mantendo a postura com a barriga para cima. 

De acordo com as recomendações médicas, a família deve fazer a troca do travesseiro e alternar a posição da criança na hora de dormir a partir do primeiro ano de idade, colocando seu corpinho na postura lateral.

10 – Escolha uma história para dormir

Ler para as crianças antes de dormir é um hábito que faz parte da rotina de muitas famílias. Além de estimular a leitura, que é essencial para o desenvolvimento infantil, ler livros na hora de ir para a cama também fortalece os vínculos entre a criança e sua família.

Por essa razão, escolher corretamente a história para dormir é importante para que esse momento entre pais e filhos seja ainda mais especial e único.

Ilustração mostrando livro personalizado A Hora do Sonho da Galinha Pintadinha Mini

Se o seu pequeno ou pequena é resistente para pegar no sono, mas gosta de ouvir uma boa história, o livro personalizado “A Hora do Sonho” vai ajudar. Junto com a Galinha Pintadinha Mini, a criança vai compreender como os momentos de descanso são gostosos e necessários para recarregar as energias.

Clique aqui para personalizar o livro com 10% de desconto usando o cupom BLOGDDH10.

Total
1
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts